Pular navegação

Prototipação em Papel

Prototipação em Papel

Protótipos em papel se caracterizam como uma forma rápida de expressar e testar o design através de um teste com usuários.

Pode ser usado também como uma ferramenta de comunicação para facilitar o entendimento de um design. É usado geralmente no início do projeto para ajudar a defini-lo.

Ajuda a apontar problemas de: compreensão de rótulos, termos, mensagens, conteúdo navegação compreensão do funcionamento da interface e da realização das tarefas. 

A prototipação em papel é um modo rápido, facil para projetar e tornar visualmente comunicáveis ideias de projetos. Uma de suas principais vantagens é que ele permite a colaboração e a rápida exposição de conceitos, além do papel poder ser dobrado e cortado, sugerindo superficies materiais com agilidade.

Como funciona

Tipos

Baixa fidelidade: wireframes/estudos feitos à mão, também chamado de Mockup
Média fidelidade: wireframes feitos em softwares como Axure, Visio
Alta fidelidade: telas com design próximo do projeto final ou final 

Tutorial simplificado de prototipação em papel

 

Tutorial criado pelos alunos da UNESP

 
 

Exemplos

 
Projeto Salus, dos alunos do Faber-Ludens. 
 

Recursos necessários

Lápis, caneta, canetinha Borracha, cola, durex Papel, muito papel...
Câmera para registro dos testes
Usuários
Moderador/computador/ Mágico de OZ
Observador

Como fazer?

Listar tarefas
Listar informações a serem desenhadas
DESENHAR!
Testar com usuários
Avaliar resultados
 

Referências

Paper Prototyping - Carolyn Snyder