Pular navegação

Oficina de cocriação no evento Conecta do Sebrae Paraná

Oficina de cocriação no evento Conecta do Sebrae Paraná

Hoje realizamos uma oficina de cocriação no Conecta. O objetivo foi envolver atores do ecossistema empreendedor paranaense com a criação de um baralho de cartas sobre empreendedorismo. O apoio do Sebrae foi crucial, pois permitiu contar com a participação de pessoas-chave que já estavam ali participando do evento. 

A oficina começou bem calma, com uma conversa sobre as dores e ganhos dos startupeiros, em particular, dos estudantes que desejam empreender com tecnologias de ponta.

2018-08-18_09.52.01_0.jpg

O pessoal foi chegando e a oficina foi tomando corpo. Depois de saturar com dores e ganhos, começamos a rabiscar ideias para o baralho no quadro branco. Várias conversas simultâneas aconteceram. 

preview_2018-08-18_10.30.04.jpg

Como o objetivo inicial era gerar ideias para as cartas, começamos a criar esboços de tipos de cartas que poderiam aparecer no baraho. Surgiram ideias como: cartas de personas típicas do ecossistema, cartas de problemas típicos enfrentados pelos empreendedores, cartas com perguntas desafiadoras, cartas de habilidades da equipe e cartas norteadoras.

2018-08-18_12.45.55_0.jpg

Ao ver tantas cartas diferentes, pensamos que poderia haver um tabuleiro para organizar as cartas. Poderia então ser um jogo de tabuleiro, mas um jogo com conteúdo e tarefas de verdade que seriam equivalentes à jornada do empreendedor. Chamamos esse conceito de Startup Gaming. 

Discutindo com Bruno Boeger tivemos uma ideia bem bacana para o tabuleiro do jogo: uma série de círculos concêntricos, estilo Golden Circle, que o desenvolvedor tivesse que percorrer. 

2018-08-18_11.16.06_0.jpg

Esse conceito disparou um novo movimento na oficina, de mapear os passos que os empreendedores teriam que dar para sair do seu círculo imediato e expandir sua consciência. Nas bordas do tabuleiro haveriam os objetivos do jogo e o empreendedor poderia mudar de objetivo conforme vai dando passos. Passamos por todos os baralhos similares que tínhamos de referência na mesa e acrescentamos todos os passos que julgamos relevantes para a sua trajetória, considerando a realidade do ecossistema brasileiro. 

preview_2018-08-18_11.35.39.jpg

A execução de cada passo conferiria ao empreendedor pontos. O empreendedor teria que acumular um certo número de pontos para desbloquear os passos que estão no círculo mais amplo. Isso significa que a trajetória de cada empreendedor pode ser diferente, apesar de que dentro do limite estabelecido. Essa lógica de desbloqueio é importante para evitar que o empreendedor que jogue o jogo fique sobrecarregado ou dê passos maiores do que a perna. 

2018-08-18_12.45.28_0.jpg

Ao final da oficina, discutimos como expandir para o próximo nível. Ricardo Dória compartilhou sua experiência organizando o Destrava CWB, evento que ajuda empreendedores a reconhecer quais são seus entraves. Adicionamos, então o conceito de trava para o jogo. Ao final de um ciclo, o jogo pergunta quais são as travas que estão incomodando. Haveria no banco de dados uma relação estabelecida entre travas típicas como "falta de dinheiro" ou "falta de habilidade" ou "equipe desintegrada" e as cartas com métodos e técnicas de empreendedorismo. Caso houvesse novas travas, o empreendedor poderia escrever uma nova trava, que seria encaminhada para um mentor humano, que faria a correspondência entre essa trava e uma ou mais cartas de métodos existentes. A base de dados iria, portanto, crescer conforme os empreendedores fossem usando. Poderiam ser comparados os resultados das recomendações e, através de inteligência artificial, melhorar as recomendações deste auto-mentor. Isso significa que o jogo já evoluiu para uma versão digital.

2018-08-18_12.45.38_0_0.jpg

Os representantes da Hotmilk agradeceram a participação das pessoas da oficina e explicaram que os cards serão disponibilizados com licença Creative Commons para o ecossistema. Além disso, explicamos que os cards fazem parte de um projeto mais amplo chamadao Copel+ que conta também com a participação da FIEP. Neste projeto está prevista também o desenvolvimento de uma plataforma de Inovação Aberta baseada em software livre que poderá, talvez, implementar o jogo digital acima formulado. 

No vídeo acima, faço um resumo do processo de cocriação que foi guiado pela minha abordagem de Design Expansivo. O quadro branco contém o resumo das principais ideias exploradas durante a oficina. A próxima oficina será na Hotmilk no dia 25/08 das 14:00 - 18:00. Até lá continuaremos coletando ideias para as cartas neste documento online.

2018-08-18_12.46.07_0.jpg

Ligação com a Árvore do Conhecimento: 
Oficina Participativa

Comentários

Precisa de ajuda?

Blog

O blog permite que os membros de um projeto se comuniquem, discutindo e publicando novidades. É um ótimo lugar para compartilhar processos, desafios e explorar ideias.