Omitir navegación

Open Government Partnership (OGP) e nova fase do <VocabParticipa>

Ayuda

Open Government Partnership (OGP) e nova fase do <VocabParticipa>

Boa tarde a [email protected]!

O objetivo dessa mensagem é propor alguns novos encaminhamentos para nossas discussões visando, sobretudo, focar um pouco mais o trabalho que temos desenvolvido por aqui nos últimos meses.

Analisando nosso trabalho e o que temos produzido em conjunto, sentimos a necessidade de focar mais o escopo do projeto em alguns aspectos de cunho prático, ou seja, escolhermos algumas linhas de aplicação do que temos produzido, até mesmo para sentir dificuldades e desafios que poderiam nos inspirar a prestar atenção em outros aspectos que ainda não apareceram em nossas discussões.

Ocorre que está acontecendo nesse momento uma interessante articulação a respeito da OGP.

A Open Government Partnership (OGP) ou Parceria para Governo Aberto é uma iniciativa internacional que tem o objetivo de assegurar compromissos concretos de governos nas áreas de promoção da transparência, luta contra a corrupção, participação social e de fomento ao desenvolvimento de novas tecnologias, de maneira a tornar os governos mais abertos, efetivos e responsáveis. A iniciativa teve início em 2011 e atualmente conta com a participação de 57 países. Os países têm como tarefa apresentar um Plano de Ação anual com os compromissos assumidos.

Nas próximas semanas terá início a consulta “Diálogos Governo e Sociedade Civil”, com o objetivo de criar um espaço de conversa entre a população e o governo federal sobre o Plano de Ação Brasileiro junto à Parceria para Governo Aberto - OGP. O governo quer escutar as ideias da sociedade civil, e, a partir delas, repensar o Plano de Ação atual, elaborado em 2011. A consulta ocorrerá no âmbito virtual através do www.edemocracia.camara.gov.br, e o objetivo é que sejam elaborados 15 possíveis propostas de compromissos para o novo Plano de Ação Brasileiro.


Dado isso, entendemos que seria interessante focarmos nossa conversa aqui pelo Corais com a seguinte proposta:

  • nossa ideia não é criar uma ontologia para a OGP, mas sim pensar em como nossa ontologia poderia ser aplicada nesse contexto. A ideia é provocar uma reflexão prática, que tem conexão com algo que está acontecendo nesse momento e que nos convoca, de certa forma, como militantes e pessoas interessadas na área de participação social;
  • como poderíamos utilizar os conceitos que temos discutido por aqui para aplicar em cima do que será produzido nas discussões da OGP?
  • como poderíamos pensar em possíveis produtos que essa ontologia geraria para análise da experiência da OGP?
  • o que sentimos falta na nossa produção que ainda não discutimos?
  • o que precisamos adaptar daquilo que produzimos?
  • o que precisaríamos entender melhor sobre a OGP para desenhar esse trabalho?

Que tal?

abraços do Henrique
Equipe Cidade Democrática

Comentarios

#1

Henrique, fica difícil pensar isso sem conhecer a proposta da OGP e a contraparte do governo brasileiro. Encontrei os seguintes links para quem estiver perdido que nem eu:

Eu acho que agora já temos uma ontologia preliminar, seria interessante gerar novos cenários de uso dessa ontologia para demonstrar seu valor. Em que tipo de aplicação ela é útil? O que pode acontecer em termos pragmáticos no cenário político? Como o governo aberto pode se beneficiar dessa ontologia? 

Eu não saberia responder estas perguntas, mas talvez outros participantes tenham uma idéia!

#2

Fred, marquei essa com Poppi e Yaso, que estão mais conectados com a OGP! Gisele também e, claro, Dalton e Isis!

Gostei de suas perguntas e acho que vale a pena pontuarmos as quetsões que estão surgindo lá na trédi do escopo também! 

#3

caros,

colocando na área por aqui também.

fred, queria até entender melhor para ir entrando na conversa devagar quando você diz acima que já haveria por aqui uma certa ontologia preliminar. como você tá entendendo isso? conseguiria descrever em mais detalhes que ontologia seria essa e o que a define nesse momento? digo isso para poder de fato aproveitar o histórico vivo de conversas que vocês já vêm estabelecendo e facilitando a visualização dessas modelagens já em andamento! 

eu vejo que uma vez visualizando isso de forma talvez um pouco mais explícita, sem dúvida, poderíamos entrar nesse exercício de perceber e produzir uma aplicação real, com todos o desafios de ordem técnica e conceitual que rolariam, no contexto da OGP, por exemplo.

acho que uma vez visualizando os produtos que seriam gerados da aplicação dessa ontologia, no caso da OGP, em cima dos dados de conversação que rolarem no e-democracia, teríamos condições de se debruçar e criar contexto de debate para entender o que isso poderia causar como possíveis intervenções nas pautas de discussão do governo, além de termos também mais clareza de como poderíamos colaborar com ações de governo aberto que gostariam de ler suas informações de outros modos.

faz sentido propor esse caminho de discussão? 

  1. mapear a ontologia atual;
  2. deixar explícito conceitos e relações;
  3. escolher um caso prático para aplicar;
  4. avaliar os produtos que podem ser gerados;
  5. pensar em formas de articulação desses produtos com políticas e atores que se proponham a debater esses temas;
  6. analisar efeitos
  7. melhorar a ontologia.

que acham?

na escuta,

dalton

#9

Dalton, como avançamos com isso?

A OGP já tem algumas propostas bem cristalizadas nos debates! Temos 7 passos aqui e queria saber em qual estamos agora! Acho que avançamos nos dois primeiros (relatório que você está preparando) e que podemos olhar juntos para os demais.

É isso?

  • escolher um caso prático para aplicar;
  • avaliar os produtos que podem ser gerados;
  • pensar em formas de articulação desses produtos com políticas e atores que se proponham a debater esses temas;
  • analisar efeitos
  • melhorar a ontologia.

#4

Olá Gente,

Eu também me incluo nas pessoas conectadas com a OGP.

Há algum tempo atrás sugeri que essa ontologia poderia ser publicada no repositório http://vocab.e.gov.br/.

Concordo que já temos conhecimento acumulado suficiente para registramos numa ontologia, mesmo que ainda a nível conceitual, como essa aqui http://vocab.e.gov.br/2011/09/org.

Trazer ela pro Repositório de Vocabulários e ontologias do e-gov traz vários benefícios. Dá visibilidade, aproxima mais à comunidade da INDA e da e-PING, dá um certo respaldo governamental ao projeto e à ontologia, e é um repositório de ontologias. 

Dalton, entre os passos 2 e 3, cabe um 2.1. Publicar a ontologia em um repositório.

Que acham?

Todo o código do repositório tá aberto aqui http://dev.dados.gov.br/codigo/outros/repositorio-vocab/summary. É um repositório de códigos Mercurial. Ou seja, forkar, mexer, comitar. Daí agente coloca no ar.

[]s

Nitai

#5

Gostei da idéia de pensar como a ontologia poderia ser útil ao e-Democracia, uma iniciativa do governo de promover a participação civil nas questões do legislativo. Acho que valeria à pena abrir um novo post só sobre isso, para servir de exemplo para outras aplicações em outros poderes. 

Quem é que tem a versão da ontologia atualizada desde as últimas discussões e encontros e poderia abrir a trédi?

#6

Pessoal, a sugestão do Nitai tem tudo a ver, concordo com a inserção desse passo no nosso to-do.

Fred, acho que a coisa é menos "pensar como a ontologia poderia ser útil ao e-Democracia" nesse momento mas pensar como ela pode ser útil à metodologia da OGP. O edemocracia está colaborando na formulação da metodologia, hospedando o processo e disponibilizando as ferramentas, mas não existe relação com o legislativo (enquanto envolvimento temático-finalístico) nesse momento. Até tentamos esse link, já que uma das principais críticas do ogp é que entende governo=executivo. Mas não foi politicamente viável nesse momento.

Aproveito para compartilhar os documentos do processo:

1- Apresentação sobre o que é exatamente a OGP: "apresentacao_OGP.odp" anexo

1- Plano de participação social: "Proposta Mobilização Participação Social_OGP - GTgovsoc.odt" anexo

2- Metodologia do virtual: http://personal.crocodoc.com/HtPWdKn

#7

Pessoal,

Para tentar agilizar a modelagem, propus um primeiro modelo conceitual e coloquei aqui: http://corais.org/vocabulariodaparticipacao/node/6661#comment-2157

Vejam se é possível partirmos as discussões a partir dele e ir melhorando conforme as discussões avançam.

Abraços,

#8

nitai, acho bem boa a proposta de publicar a ontologia em um repositório. vale como um encaminhamento bem bacana de popularização, sem dúvida. abs, dalton
¿Necesita ayuda?

Blog

El blog le permite a su equipo comunicarse por medio de publicaciones y discusiones en torno a preguntas. Es un gran lugar para compartir progresos, discutir cambios y explorar ideas.