Pular navegação

Qual será o nome deste livro?

Qual será o nome deste livro?

Trabalho colaborativo na economia criativa
4 votos 33%
Empreendendo colaborativamente
1 voto 8%
A arte de trabalhar com o que gosta
0 votos 0%
O empreendedor autogestionário
0 votos 0%
Outro (edite a enquete e adicione sua sugestão e depois comente explicando)
0 votos 0%
CORALIZANDO: Um guia de experiências para aprender e empreender de forma #colaborATIVA
7 votos 58%

Comentários

#1

Achei legal "Trabalho colaborativo na economia criativa", mas acho que também poderia ser: "Empreendedorismo colaborativo e Economia Criativa".

#2

Como o livro explica também como usar o Corais poderíamos ter o nome da plataforma no título ou no subtítulo. 

Trabalho colaborativo na Plataforma Corais

ou 

Colabor-ação: Um guia para se organizar na Plataforma Corais

ou

Coralizando: um guia para trabalhar colaborativamente

coralizar
v. intr. || dizerem coro; cantar em coral: Velhos e velhas sorriram melancólicos, coralizando sobre o provérbio paulista... (Mário de Andrade, Poesias Completas, São Paulo, 1955, p. 468.) F. Coral4. http://aulete.uol.com.br/coralizar#ixzz2xXNg0EhE

#3

Pois é, eu também estava pensando em algum título que remetesse diretamente ao Corais. Porém, não consegui pensar num bom título que o incluísse.

Acho que dessas três que o Fred sugeriu a segunda é a mais direta e interessante.

#4

Eu gostei de incluir o nome do CORAIS no título do Livro, e assim como Carlos acho que das sugestões de Fred a segunda é a mais direta, pois explica uma possiblidade de uso do CORAIS que é através de modelos de gestão colaborativa. A terceira é mais lúdica e também achei bem legal, remete a um termo que esta ficando popular entre os coletivos que utilizam a plataforma. Eu trocaria apenas o final: CORALIZANDO: Um guia para trabalhar e empreender de forma #colaborATIVA.

inclui essa sugestão entre as opcões existentes, quem quiser também pode criar a sua e ampliar as opções de voto

#5

Concordo com o Jatobá. Acho que fica bem legal dessa forma com "colaborATIVA".

#6

Bacana Isaac,

eu inclui essa opção na votação, seria bom estipularmos uma data final para para o processo e também se vamos considerar votos de pessoas que não estão colaborando no texto e na arte gráfica e serão mencionados como autores do livro e demais pessoas que estão como observadores do processo, participando deste laboratório (vivo) virtual de gestão colaborativa.

Temos 8 votos até o momento. Nem todos que votaram foram mencionados na relação de autores (http://www.corais.org/colabor/node/80341)

Será que podemos atribuir pesos? será que deixamos em igualdade e consideramos este tipo de voto como uma colaboração tão valiosa quanto colaborar diretamente no livro?

Outro caminho é caso eles leiam este comentário e tenham votade de debater o tema, comentem por aqui e contribuam mais nesta definição coletiva.

#7

A data final eu sugiro que seja a da próxima sexta-feira (31/03).

Acho que todos os votos deverão ser computados, mesmo de quem não participou diretamente, pq além de ser uma maneira de chamá-los para a colaboração, deixa o processo mais transparente e colaborativo, no sentido de que cada um deve contribuir com o que pode. Entao, pode ser que haja membros que estão ou impossibilitados no momento ou que não tenham pego o feeling do processo, algo do tipo, mas querem opinar sobre algo, que seja o nome do livro. Creio que esas pessoas se sentirão bem em terem sua opinião considerada de alguma forma.

#8

A data final eu sugiro que seja a da próxima sexta-feira (31/03).

Acho que todos os votos deverão ser computados, mesmo de quem não participou diretamente, pq além de ser uma maneira de chamá-los para a colaboração, deixa o processo mais transparente e colaborativo, no sentido de que cada um deve contribuir com o que pode. Entao, pode ser que haja membros que estão ou impossibilitados no momento ou que não tenham pego o feeling do processo, algo do tipo, mas querem opinar sobre algo, que seja o nome do livro. Creio que esas pessoas se sentirão bem em terem sua opinião considerada de alguma forma.

#9

Eu acho que a gente não precisa reabrir a votação nem tampouco adotar necessariamente uma das opções votadas, pois esse tipo de decisão precisa de consenso. Foi equivocado da minha parte iniciar a discussão de título nesse formato, pois a votação funciona melhor para o fechamento e não para abertura.

Mas acho que estamos avançando. A sugestão nova do Jatobá ficou com título muito comprido, o que vai dificultar a exibição em diversas bases de dados em que o livro será cadastrado. O lance da tralha # não acho apropriado porque o livro é um registro que dura muito mais do que uma moda de rede social (hashtag). O que hoje parece cool pode parecer extremamente nostálgico daqui há alguns poucos anos, quando o símbolo de tralha for substituído por outra coisa. Eu vejo esse livro sendo lido daqui há 10 ou 20 anos, quando certamente Facebook e Twitter não existirão mais se continuarem software proprietários. Transformo o título, então, no seguinte:

Coralizando: Um guia para aprender e empreender de forma colaborativa

O verbo coralizar precisará ser bem explicadado na introdução, porque colocamos no título, e porque ele é um fio-condutor das questões levantadas no livro (não sei se tem esse fôlego todo).

#10

Adorei o 'Colarizando', depois de conhecer o sentido.. Também achei grande assim.. Sugeriria juntar aprender + empreender:

Coralizando: Um guia para empreendizagens coLABORativas

#11

Coralizar poderia ser a contrapartida no mundo real do "forking". Soa muito legal.

#12

Bem colocado Emilio! Coralizing também existe em inglês e significa transformar algo num coral. É muito usado entre webmasters que usam a ferramenta Coral CDN, que distribui a hospedagem de websites de alto tráfego.

Paula, acho que se a gente usar mais de uma palavra incomum no título vai gerar uma certa rejeição. Embora coralizando exista, não é comum. Se a gente fosse introduzir o empreendizagem teríamos que definir e elaborar ao longo do texto, o que não estamos fazendo ainda.

#13

gostei mais ainda de Coralizing!!

#14

Podemos fechar com o seguinte título? Se alguém for contra, manifeste-se.

Coralizando: um guia para colaborar, aprender e empreender na economia criativa

#15

Gostei do Título, mas acho que e importante dar mais valor ao termo Colaboração, afinal este é o principal ponto que diverge trabalhar com economia criativa utilizando CORAIS.

Economia Criativa diferente de Economia Solidária não é sinônimo de Colaboração, e alias na visão do SEBRAE com seus MEIs (Micro Empreendedor Individual) a colaboração, cocriação com inovação aberta e autogestão podem passar longe. Não é a toa que eles já estão pensnado em outros tipos de plataforma pra potencializar seus pequenos empreendedores criativos:

vejam em: http://oglobo.globo.com/economia/emprego/empreendedorismo/facebook-sebra...

Eu acho que o colaborar no titulo acima se diluir entre o aprender e empreender, quando na verdade é colaborando que o aprendizado e o trabalho acontecem.

O que vcs acham?

#16

Faz sentido o que você diz Jatobá, mas colaboração também é uma palavra bem genérica que pode abarcar até uma maior exploração do trabalhador.

Eu acho que da forma como está colocado já qualifica o tipo de contribuição que queremos dar à economia criativa, que é um guia para colaboração, aprendizado e empreendedorismo. O "economia criativa" no título ajuda a direcionar o livro para uma audiência, para o leitor se identificar, do contrário, fica muito no ar com quem se está falando. Precisamos de um gancho concreto com a realidade. Se fosse economia solidária ao invés de economia criativa, por exemplo, somente as pessoas que já fazem economia solidária iriam se identificar com o livro e o que nós queremos no fundo é que haja essa transição de uma para a outra.

Mas enfim, essa é a minha opinião e o título ainda não está fechado. Quem tiver uma outra sugestão de síntese, proponha.

#17

Eu concordo contigo Fred, por isso mesmo que qualificamos o que é colaborar dentro do livro.

Acho apenas que colocar os 3 no mesmo patamar, pode passar a falsa impressao que e possivel aprender e empreender sem colaborar e acho que isso não esta contemplado no livro.

Eu acho valido sim incluir economia criativa no titulo, melhor mesmo que economia solidária que é um dos pontos também abordados internamente.

Dentro disso pensei nesta:

Coralizando: Como aprender e empreender de forma colaborativa na economia criativa

Acho que tiramos o termo Guia, que nao sei se e mesmo um guia (talvez de experiencias), e qualifica o aprendizado e trabalho na economia criativa como um modelo colaborativo.

O que vcs acham desta proposta? caso alguem tenha outras ideias ou goste mais das que foram apresentadas anteriormente, comentem aqui

#18

Eu acho que deveríamos pensar em um nome aberto e curto, deixando a posibilidade de expandir os temas em uma versão 2.0 do livro.

A palavra 'aprender' no mesmo nivel que 'empreender' gera a ideia de que o livro é sobre educação. Eu acho que o livro é uma guia para as pessoas que querem aprender qué é a economía criativa e deseja tentar implementar-a.

A minha proposta: "Coralizando: Aprendendo à empreender na economía criativa." (gramatica?)

#19

"forma colaborativa na economia criativa" fica cacofônico.

"Como" eu acho que reduz muito a um tutorial de passo a passo.

Poderia ser assim, mas daí sem o economia criativa porque fica muito comprido.

Coralizando: um guia para aprender e empreender pela colaboração

ou então

Coralizando: um guia de colaboração para a economia criativa

#20

Eu gosto dessa última. É curta e bonita. A palabra guia leva em conta a parte de "aprender" e da mais importáncia para a "colaboração".

#21

Fico com: "Coralizando: um guia de colaboração para a economia criativa"