Leitura de Gêneros Jornalísticos + Leitura Crítica

Olá [email protected]!

Ruídos na comunicação acontecem, certo? Então, aconteceu na nossa e o exercício vai aí com certo atraso. Nos desculpamos e vamos ajustando para caminhar bem. :)

Já que trabalharam as características e diferenças entre os gêneros jornalísticos, vamos exercitar mais nossa leitura?

A sugestão é que vocês escolham uma matéria jornalística (de jornal, TV, internet, etc) e identifiquem qual o gênero dela: é informativa, entretém, opina? Lembrando que os gêneros estão nos slides da aula 2 (segunda versão, mais legível dessa vez :)) que estão aqui http://corais.org/sites/default/files/aula_2_-_texto_jornalistico_e_ambi...

No exercício anterior, a proposta foi fazer uma leitura crítica. As observações foram excelentes, do ponto de vida da análise do posicionamento (principalmente político e econômico) do veículo e da grande mídia de uma forma geral. Vamos seguir esse debate. ;)

Estamos caminhando para produzir mídia, então é importante identificar elementos que vão nos servir pra trabalhar melhor depois.

O tipo de análise que fizeram se encaixa bem em Análise de Discurso. A gente sugere que deem uma pesquisada sobre esse método também.

A proposta é que agora, então, juntemos dois exercícios. Vocês podem escolher uma matéria, identificar seu gênero e fazer a leitura crítica. Vocês deram uma olhada no manual? Ele vai de novo em anexo para dar aquela força no exercício.

http://corais.org/jornalismo/node/84645

Vamos comentando as observações e na próxima aula a gente debate.

[email protected]ços

Prazo: 
01/05/2015 - 18:00 - 06/05/2015 - 16:00
Prioridade: 
Alta
Responsáveis: 
Jessykalves
Responsáveis: 
Marília Vilas Boas
Responsáveis: 
Stephany Cardoso
Responsáveis: 
Tony Blaster

Comentários

#1

Olá!

Gente bonita, levantaram que os slides da segunda aula não estavam bem legíveis, então segue outra versão em anexo.

Espero que dê pra sacar direitinho dessa vez. ;)

http://corais.org/sites/default/files/aula_2_-_texto_jornalistico_e_ambi...

Abraços

#2

p { margin-bottom: 0.25cm; line-height: 120%; }a:link { }

Boa noite!
Primeiramente desculpas por ter atrasado meu exercício...(muitooosss afazeres)

Porém podem ter certeza que me dediquei intensamente para concluir esta tarefa, e ao me deparar com a mesma percebi que havia algo que eu não sabia como descrever em palavras o que era, não sei se foi me dito em sala de aula e eu não prestei a atenção devida, sei que pesquisei sobre estou disponibilizando para quem também tem dúvidas( afinal de contas conhecimento, quanto mais melhor...)

MATÉRIA: A nomenclatura dos textos normalmente é dada de acordo com as suas características e seus objetivos específicos de comunicação. Genericamente chamamos os textos que se apresentam nos jornais de “matéria”.

(http://bit.ly/1F4Ucww)

Exercício:

Minha matéria, é uma reportagem de cunho informativo, onde narra a fatalidade da morte do artista Antônio Abujamra.

Na matéria conseguimos obter diversas informações, que são passadas de maneira clara e direta.

Acredito que pra esse tipo de matéria várias práxis são consideradas dentro do meio jornalistico, pois é uma ação que espera reflexão e retorno imediato.

De inicio nos prendemos a matéria pela forma DIRETA que é expressada a noticia da morte de um ser humano, seja lá o que for ou quem for sempre choca e desperta o senso curioso de qualquer leitor, destacando também que o corpo foi encontrado pelo filho, faz um breve apanhado sobre as atuações de mais importância para a carreira do mesmo ( onde vários leitores se recordaram e darão prosseguimentos a leitura) relata a biografia e por fim da informações sobre o velório.

Matéria:

http://glo.bo/1dLX3hE

Bem, isso foi oque entendi do exercício que foi proposto.

Fiquem na paz...

#3

Matéria: http://noticias.ne10.uol.com.br/grande-recife/noticia/2015/05/01/moradores-de-ouro-preto-em-olinda-fazem-mobilizacao-para-reclamar-de-assaltos-544529.php

Gênero: informativo
Tipo de texto: reportagem

Essa matéria mostra o apelo dos moradores de Ouro Preto por mais seguranças nas ruas, por causa de constantes assaltos, um dos moradores como forma de protesto colou cartazes em locais onde os assaltos são mais frequentes, procurando assim alertar as pessoas que aquela área pode ser perigosa e também um forma de pedir mais policiais.

#4

Olá [email protected]! As leituras de gêneros jornalístico, juntamente com a leitura crítica ficaram boas. Comparando com o primeiro exercício (http://corais.org/jornalismo/node/84645), percebe-se que  as análises tiveram um olhar mais atento ao que foi notíciado, identificando os  elementos jornalísticos antes da conclusão pessoal sobre as matérias.

Nas próximas aulas o curso tomará um vies pensado para aprofundamento das técnicas de produção de informação no formato jornalístico. Saber principalmenmte o que, e como a grande mídia está produzindo suas informações, nos ajuda como referência para produção de informação, a organização dessa informação, e quais intenções elas tem por tras de cada pauta. Dessa maneira poderemos também analisar a nossa produção de informação, e quais artifícios estamos utilizando para transmitir nossas mensagens. 

Até mais, abraços!

#5

Bem bacana as análises, pessoal!

Esse é um tipo de exercício que vocês como comunicadores podem fazer sempre que lerem/verem/ouvirem relatos jornalísticos.

Analisar os elementos, o que e quem foi mostrado mais ou menos e de que forma já indica certo posicionamento de quem informa.

Ficando craques nessas análises, vocês vão desenvolver mais reflexão e busca por clareza, responsabilidades com a precisão, e ainda posicionamento ético diante de questões que muitas vezes envolvem um contexto maior do que aquilo que se informa.

A maioria de nós no grupo atua em Cultura, que em sua essência e prática é também política, cotidiano, cidades e mais. Esse olhar apurado contribui com relatos que localizem e valorizem devidamente o que precisa e não tem voz.

Estamos evoluindo, rápido. Logo mais, na próxima aula, vamos entrar nas técnicas e práticas com a produção informativa e a divulgação em si.

Grande @braço!