Pular navegação

Archive: março 2014

Ajuda

Memorial 28.03 - Mariana Souza

Mais uma vez trabalhamos nosso pensamento rápido ao fazer o exercício de associação de palavras usando como elementos principais: refletir, fazer, trocar e escutar. Ao fazer esse exercício em círculo, com movimento e forma constante, trabalhamos nossa capacidade de concentração e de percepção do espaço. As dificuldades foram aumentando, e o grupo devia estar unido para poder superá-las. Entretanto, talvez por já termos uma sintonia forte fora do Vila, acabamos por nos desconcentrar levando para a roda assuntos particulares externos, e perdemos a essência do exercício seguinte. Martin nos chamou a atenção e nos fez perceber que esse é um caminho que não pode ser seguido, e que nos momentos de encontro diário devemos estar extremamente concentrados.

Memorial 27.03 - Mariana Souza

Hoje partimos para a prática! No primeiro momento da aula, descobrimos os tipos de cabos e plugs. Mono, estéreo, xlr, p2, p10... Difícil lembrar de todos, mas a vivência está fazendo com que naturalmente percebamos a diferença e importância de cada elemento no funcionamento geral do conjunto.

Depois fomos conhecer uma mesa de som, e já iniciamos a manejá-la. Nossa, de princípio eu realmente não acreditava que fosse entender como aquela infinidade de botões funcionava, mas com a explicação de Gabriel tudo parece ser bem mais simples. Fiquei com vontade de ver a mesa em atividade, com instrumentos conectados a ela, para poder sentir essa experiência de balancear o som.  

Mariana Souza

Memorial 26.03 - Mariana Souza

Mais capoeira! A ginga já parece fluir mais naturalmente em nossos corpos, mas ainda não conseguimos repetir alguns movimentos que Leno ensina. Entretanto, só a tentativa já é muito boa, e cada vez mais estou me apaixonando por essa arte. O corpo já fica aquecido para o encontro que vem em seguida.

Quando Chica chegou, propôs um momento de relaxamento, com trabalho de respiração e sons. Mais uma vez percebi a importância desses momentos para me fazer entrar em outra sintonia, desconectar mesmo do mundo externo e mergulhar em um outro estado de espírito.

Memorial 25.03 - Mariana Souza

Aprendemos mais sobre um sistema de áudio e seus elementos. Descobrimos que Nikola Tesla foi o cara, e ficamos impressionados com a genialidade e contribuição dele para a ciência. Ele foi incrível, mas subestimado e até mesmo esquecido por muitos.

Na verdade vimos tanta coisa diferente que é até difícil resumir aqui... Desde a importância de um bom projeto de acústica até a diferença entre amplificador, caixa de som e alto-falante. Para mim, os encontros continuam sendo muito proveitosos, e me fazem querer cada vez mais conhecer melhor esse universo do som.

Mariana Souza

Memorial 24.03 - Mariana Souza

Capoeira! Começamos o encontro já aprendendo um pouco dessa luta/arte tão forte e presente em nossa cultura. Ginga, golpes, defesa... Vimos também como a capoeira pode se assemelhar ao teatro no sentido de manter sempre olho no olho, e jamais deixar o movimento parar. Essa aula foi muito importante para aquecer corpo e mente.

Logo em seguida, Chica chegou e nos propôs um momento de relaxamento para que pudéssemos entrar em outra sintonia. Para mim foi muito importante, pois pude realmente me concentrar mais nas atividades. E depois do relaxamento, fizemos um exercício corporal e psicológico muito intenso, que nos fez perceber que na maioria das vezes a forma que pré-concebemos de interpretação de determinada fala pode não ser a correta. Fizemos a fala ser uma consequência do movimento, que deve ser dita na intenção e entonação que seu corpo sugere, por mais absurda que possa soar.

Memorial Victor Fernandes 28.03.2014

Agora acho que consigo começar a entender o principal ponto em que Martim pretende trabalhar, a noção de espaço, a atenção, o controle do corpo, da voz e da atenção do ator de forma simultânea, é sem sombra de dúvidas um dos pontos em que pretende-se chegar durante os encontros, em um primeiro exercício onde isso em um todo foi executado.

No segundo momento os nossos documentos sobre o golpe foram trabalhados de forma artística com a encenação quase totalmente improvisada tomando por base os documentos. Agora divididos novamente, só que em grupo, demos início ao processo de montagem de uma cena específica de Macbeth, a cada semana as coisas ficam melhores.

Memorial Victor Fernandes 27.03.2014

A estrutura da câmera foi totalmente destrinchada durante os encontro, e agora chegamos ao final dessa etapa teórica, a conversa leva um rumo interessante pelos constantes momentos de contra pontos, poder ver o áudio visual hoje e a anos atrás. A produção do nosso diário visual continua a todo vapor com o auxílio de Maise mas sempre com a gente de certa forma a frente da câmera.

Memorial Victor Fernandes 26.03.2014

A capoeira como de costume botando os ânimos lá em cima e a energia a mil por hora, um pouco mais complexa, os movimentos começam a se tornar mais difíceis, e Chica mais uma vez na segunda parte do encontro quebra esse movimento com uma preparação vocal totalmente diferente do que se pode esperar de uma, já que a voz de forma direta quase não foi usada, mas sim o seu transmissor, a boca, língua foram trabalhadas de forma intensa, junto com um relaxamento. Os exercícios dessas vez me deixaram um pouco tonto e com dor de cabeça, mas nada que não desse para aguentar e que rapidamente foi controlado.

Memorial Victor Fernandes 25.03.2014

Os encontros de áudio visual só melhoram, hoje de fato pegamos na câmera e podemos partir um pouco mais para a parte prática, um diário visual vai ser construído pelo grupo, de início só filmamos e desmontamos a câmera, mas em breve estaremos editando o mesmo.

Memorial Victor Fernandes 24.03.2014

Um dia de surpresas que começou com a ginga da capoeira, não podia ser melhor, a importância do olhar, da consciência do corpo, tudo isso encontramos na capoeira e no teatro, mas no final de tudo podemos tirar um pouco de teatro, até onde aparentemente não tem, mas só aparentemente, porque o teatro é tudo.

Já na segunda parte do encontro Chica nos surpreende, quebrando o clima de euforia e agitação da capoeira, relaxamos em grupo com exercícios de uma quase meditação, e com os cuidados do corpo do colega, em seguida de forma branda com o tempo fomos novamente deixando o caos tomar conta de nossos corpos e mentes.

Precisa de ajuda?

Blog

O blog permite que os membros de um projeto se comuniquem, discutindo e publicando novidades. É um ótimo lugar para compartilhar processos, desafios e explorar ideias.